>
NOVOS ARTIGOS ABAIXO
LENDO

Chefões planejam mudanças no Complexo da Pedreira

Segundo boatos que rolam em Costa Barros e no Complexo da Pedreira (ADA), a liderança da facção ADA estuda trocar o cargo de frente na favela da Quitanda.

Por conta dos excessivos roubos, que sempre são levados para Quitanda e depois distribuído para o restante do complexo, causando problemas e chamando operações constantes para o território.

Como noticiado em várias matérias na mídia, os roubos geram cifras milionárias para os traficantes da Pavuna e Costa Barros, tanto que se especializaram nisso.

O foco de roubar cargas na região, foi  dado mais importância e melhorado na gestão Playboy, que deixou um legado para os próximos chefões.


Atualmente os traficantes Gordão e Esquecero, dividem os roubos na região.

Gordão é braço direito do traficante Arafat (preso) e comanda a Favela da Quitanda (ADA), já o  Esquecero, é homem de confiança do Coroa (preso) e lidera o tráfico no Morro da Pedreira (ADA).

Mas os roubos estavam trazendo discordâncias entre os morros.

Os roubos realizados pelo grupo da Quitanda, em tese, autorizados pelo Gordão. Estavam trazendo problemas para o Morro da Pedreira, liderado pelo Esquecero.

Segundo até a postagem da página Favela News, houve o pedido da saída do Gordão na administração da Quitanda, por conta desses desencontros de assaltos.

Desde que assumiu esse cargo, conseguiu levantar um número expressivo de dinheiro e fuzis para o Puma, o dono da Quitanda.

Mas nem todos estão satisfeitos.

Com a prisão do Arafat, por ser seu braço direito, o Gordão vai dar continuidade no império do seu chefe. Por esse motivo sair do cargo de chefe da Quitanda, seria uma das opções. Focando apenas na administração de todo o império do Arafat.

Faz sentido.

Ainda há quem diga que esse briga esta indo mais além.

E dos muros, o Coroa, dono da Pedreira e Lagartixa, teria pedido o controle da Quitanda, reduto do seu comparsa Puma.

Seria uma espécie de golpe interno? Não é possível afirmar, pois os dois chefões se respeitam e são aliados desde o tempo da gestão ADA no Complexo da Maré.

Existem boatos que traficantes que não ficaram satisfeitos com essas possíveis mudanças, já se deslocaram para as comunidades do Az de Ouro (ADA) em Anchieta e Gogó do Bom Pastor em Belford Roxo, territórios do Puma.

Há anos o desejo do Playboy era unificar todo o Complexo da Pedreira em nome do Coroa, mas nunca teve apoio para isso, pois sempre teve desafetos na Quitanda.

Será que finalmente conseguiram?

Vamos aguardar.

ADA tentar retomar a Santa Helena e perde 8

Como informado a facção ADA foi expulsa da comunidade da Santa Helena em Campos dos Goytacazes.

Segundo boatos, o chefe da comunidade aplicou o famoso "Golpe de Estado" e mudou a bandeira do dia para noite, matando inclusive um traficante da sua confiança.

Quem concordou ficou do lado do TCP, quem se queixou, acabou expulso ou morto.

A comunidade da Santa Helena era uma das maios importantes do ADA em Campos, e seu fornecimento era da comunidade da Baleeira, outro reduto bem forte.

Os crias da Santa Helena deram um golpe, foram para o lado da Tira Gosto (TCP) e concretizaram a invasão na comunidade.

Já começaram a acontecer as operações por conta dos confrontos.

Os traficantes do ADA com ajuda do território do Lebret, tentaram retomar a Santa Helena, mas deram mal e tiveram 8 membros detidos na operação.

Por enquanto a Santa Helena continua controlada pelo TCP, e os muros da comunidade já começam a ser pinchado.

Vamos aguardar.

TCP invade comunidade do ADA em Campos

Terceiro Comando Puro expandiu os seus domínios em Campos dos Goytacazes.

Segundo informações, bandidos da Favela da Tira Gosto (TCP) se reuniram e invadiram a comunidade da Santa Helena, que estava sob domínio da facção Amigos dos Amigos.

Sem muitos detalhes sobre a invasão, os moradores relatam que na comunidade da Santa Helena, tem traficantes do TCP fazendo rondas na comunidade.



Avisaram que o próximo alvo é a comunidade da Baleeira (ADA) próximo ao cemitério do Caju, também em Campos dos Goytacazes.

Vamos aguardar.


Traficantes do CV e TCP trocam tiros na Cidade Alta

Parece que essa situação vai ser semanal.

Desde que perdeu o território da Cidade Alta, o Comando Vermelho vem aplicando tiros da 5 Bocas (CV) e Pica-Pau (CV), sempre mirando os envolvidos com o TCP que ficam localizado na divisa.

Pica-Pau é um pequeno território, onde possuí apenas uma rua como principal da comunidade.

Por lá, dificilmente abrigam mais de 15 traficantes armados, e sempre é usado como "estica" da Boca de Fumo do Complexo da Cidade Alta, que agora foi violado.


Uma grande concentração de bandidos é na comunidade da 5 Bocas (CV) que é um território maior que a Pica-Pau.

Diariamente os traficantes atravessam da 5 Bocas em direção a Pica-Pau, e aplicam tiros em cima do Terceiro Comando Puro.

Ontem os moradores presenciaram um novo capítulo desse "bang bang" em Cordovil.

A cada dia a rivalidade vem esquentando, ao ponto dos traficantes do TCP cogitarem em avançar em direção a 5 Bocas (CV) para acabar de vez com os conflitos.

Por outro lado, os bandidos do CV tentam insistentemente chamar seguidas operações na Cidade Alta, para enfraquecer o grupo do Peixão, o chefe do tráfico na comunidade.

Nas últimas semanas o TCP perdeu soldados, fuzis e drogas, devida as operações, mas continuam fortemente no controle da comunidade.



TCP baqueia a Pica Pau (CV) em Cordovil

O inevitável está para acontecer.

Ontem os traficantes do Terceiro Comando Puro da Cidade Alta, iniciaram o processo de invasão nas comunidades do Pica-Pau e 5 Bocas, que ainda permanece sob domínio do CV.

Houve uma troca de tiros que deixou o clima tenso entre as regiões da Cidade Alta, 5 bocas e Pica Pau.

Os traficantes do CV continuam sendo a pedra no sapato para o grupo do Peixão e Tribolado, os chefes do tráfico na Cidade Alta.

Quem sobrou da Cidade Alta e não se escondeu na Nova Holanda (CV), continua na Pica-Pau e 5 Bocas, dando continuidade ao tráfico.

Os bandidos ficam cooptando pessoas da Cidade Alta para passar informações de como está o grupo do TCP na comunidade.

Instigam moradores para fazer denúncias contra os traficantes da Cidade Alta, e quem se nega, acaba caindo no conceito dos traficantes.


Por conta disto, os bandidos do TCP revistam celulares de pessoas que eles tem o conhecimento que são amigos de traficantes do CV.

Como possuem "crias da Cidade Alta" ao lado deles, eles sabem quem tem envolvimento ou é apenas amigos dos bandidos do CV que foram expulsos da comunidade.

Para os moradores que não possuem nenhum envolvimento com qualquer tipo de facção na Cidade Alta, a vida continua a mesma, mas com algumas operações que as vezes acontece para coibir o tráfico na Cidade Alta, ou então, as trocas de tiros que acontecem entre o TCP e CV na divisa com a Pica-Pau.

Mas os traficantes do TCP avisaram que isso vai acabar logo logo.

Estão se preparando para invadir a Pica-Pau e expulsar o CV da comunidade.

Será?

vamos aguardar.


Patrulhamento acaba em tiroteio no Morro do Borel

Clima ficou tenso na comunidade do Borel (CV) na Tijuca.

Houve um novo confronto entre traficantes do Comando Vermelho, contra policiais da UPP que estavam patrulhando a comunidade a noite.

O confronto aconteceu na localidade conhecida como "Laje das Kombis" dentro do Morro do Borel.

Foi a típica desavença entre traficantes e policiais que patrulham diariamente um morro pacificado.


Veja com mais detalhes na matéria do R7.

Policia prende chefe do Carvão em Mangaratiba

Tráfico do Terceiro Comando Puro em Itaguaí sofreu um desfalque.

Na manhã desta última terça-feira os policiais do batalhão local, realizou uma operação de busca em Mangaratiba e prendeu o chefe do tráfico.

Conhecido como Lobo ou Redbull, estava escondido em uma residência em Muriqui.

Ele foi encontrado com uma pistola 9mm e 4 carregadores.

Agora provavelmente, a prisão do Lobo poderá respingar na briga entre os traficantes do 18 (TCP) e Carvão (TCP).
Lobo ou Redbull

Na época, a pedra no sapato do grupo do Lobo era o traficante conhecido como TCk, chefe do tráfico no 18 (TCP), mas que atualmente se encontra preso.

Mas o medo maior é a presença da Milícia de Itaguaí, que sempre desejou controlar a comunidade do Carvão (TCP).

Assim que foi noticiada a prisão do Lobo, já apareceram relatos de Milicianos rondando a comunidade do Carvão.

Para assumir o cargo do chefe, foi colocado o traficante Kaká, que era número dois na hierarquia do Carvão (TCP) e é oriundo do Conjunto Amarelinho (TCP) em Irajá, na zona norte do Rio de Janeiro.

Vamos aguardar.


Policia pega responsável pelo tráfico no Jorge Turco

Os policiais do 9º BPM (Rocha Miranda) entraram nessa madrugada no Morro do Jorge Turco (CV) em Coelho Neto, na zona norte do Rio de Janeiro.

Houve um confronto com os traficantes, e um responsável pelo tráfico foi preso.

Conhecido como "Dibira", ele foi baleado e encaminhado para o Hospital Carlos Chagas.

O GAT estava na comunidade para coibir os roubos de cargas, que começaram a crescer na região de Coelho Neto e Rocha Miranda.

Conseguiram desfalcar o CV em um Fuzil Colt 5.56.

foto: Odia

Chefes do TCP selam acordo de Paz em Senador Camará

Finalmente a Paz foi selada entre os traficantes de Senador Camará, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Depois de anos de conflitos entre as comunidades da Coréia (TCP) e Vila Aliança (TCP), os chefes do tráfico acabaram se acertando.

Segundo informações, para acabar com essa onda de conflitos internos, os chefes do tráfico selaram um acordo de paz.

Os traficantes Natan e Ribeiro, representantes da Vila Aliança, e o traficante Milgol, chefe do tráfico na Coréia, realizaram uma reunião na localidade conhecida como 19.

Colocaram um fim na guerra entre as duas áreas.


Os moradores de ambos os lados vão poder transitar entre as comunidades normalmente, inclusive os próprios traficantes, podem transitar de um lado para o outro tranquilamente sem sofrer represália.

Após a morte de um homem de confiança do traficante Natan, chefe na Vila Aliança, o clima tinha esquentado e muito, pois a morte foi encomendada pelo traficante Careca ou Milgol.

Realizaram uma reunião com os chefes do Dendê, Amarelinho e Acari, e o Milgol alegou que o traficante executado era do seu grupo, mas foi para o lado da Vila Aliança deixando dívidas a ser quitada com o grupo na Coréia.

Como essa dívida não foi quitada, ele ordenou aos seus seguranças que fossem na Vila Aliança e executassem o traficante, e a ordem foi concluída.


Os chefes do Terceiro Comando Puro colocaram panos quentes nesse caso, e apoiaram uma união entre as comunidades da Vila Aliança e Coréia, para não dar espaço para as facções rivais.

Agora é só aguardar.

Não sabemos se o acordo vai acontecer por muito tempo.

Tudo indica que sim!

Vamos aguardar.

CV volta a invadir o Chapéu-Mangueira

Após a prisão do traficante conhecido como Pipo, chefe do tráfico no Chapéu-Mangueira (TCP) o Comando Vermelho volta a invadir a comunidade.

Segundo relatos na madrugada deste domingo, grupos armados do CV saíram do Morro da Babilônia para uma nova tentativa para retomar o Chapéu-Mangueira.

Foi uma intensa troca de tiros entre as duas facções.

Mas segundo informações, a invasão falhou novamente, e os bandidos do Terceiro Comando Puro conseguiram dar uma baixa no bonde do Babilônia (CV), que está sendo reforçado pelos traficantes da Ladeira dos Tabajaras (CV).

Segundo boatos, deixaram um corpo na área de mata, que seria dos traficantes invasores.

Imagem que circula entre os grupos do WhatsApp
Mesmo após ter perdido o controle do Chapéu-Mangueira há anos, atualmente o CV se empenha para retomar o tráfico na comunidade, perdido para os rivais do Terceiro Comando Puro.

Já retomaram o Babilônia, que também foi invadido pelos rivais há anos atrás.

Agora estão juntando forças com outros membros de facção para retomar o Chapéu-Mangueira, que segundo informações, é alimentado pelos chefes do tráfico na Serrinha e Maré.

Vamos aguardar o desfecho desse caso.

Policia estoura casa do Motoboy e prende chefe do Engenho na Nova Holanda

Os Policiais da Dcod, DRFC, DRF e CORE, estouraram ontem uma das casas do traficante Motoboy, chefe do tráfico na Nova Holanda (CV) no Complexo da Maré.

De quebra, mataram dois envolvidos e prenderam um terceiro.

O terceiro preso é nada mais nada menos que o chefe do tráfico no Morro do Engenho (CV) e Chapadão (CV) em Costa Barros.

Se trata do traficante conhecido como Lourão.

Lourão comandava o tráfico no Morro do Engenho (CV) e comandava o tráfico para o Nando Bacalhau no Morro do Chapadão (CV), mas foi afastado e se deslocou para o Complexo da Maré.

Encontraram também cargas de Maconha, cocaína, prensas e cadernos de anotações do tráfico.

Encontraram também um galpão de motos roubadas, que foram entregues a DRFA.





Atualmente o tráfico da Nova Holanda (CV) está sofrendo pelas constantes operações policiais, devido a investigação da policia, apontando que lá é o centro de operações atuais do Comando Vermelho.

A Nova Holanda se tornou um centro de distribuição de drogas, armas e até abrigo aos traficantes da facção.

Inclusive, existem outros chefões com bocas de fumo dentro da Nova Holanda, mas que repartem parte de lucro com o Motoboy, o chefão de lá.


Policia prende chefe do tráfico no Chapéu-Mangueira

A policia fez hoje um pente fino no tráfico no Morro Chapéu-Mangueira (TCP) no Leme, na zona sul do Rio de Janeiro.

 Sete viaturas subiram no morro e desceram com o chefe do tráfico e sua cúpula.

Prenderam no Chapéu-Mangueira o traficante conhecido como Pipo, o homem que liderava o tráfico na comunidade.

Na casa que ele se escondia, foi preso os traficantes MT, que ocupava o cargo de gerente das bocas de fumo.

Também foi preso um dos seguranças pessoais do Pipo, o traficante conhecido como Primo.

Outros três mandados de prisão foram expedidas pela Justiça. e os alvos são os traficantes William, Felipinho e o Gordinho, todos traficantes do grupo do Pipo.

Essa operação foi motivada por conta de uma denúncia, que apontava que o Pipo recrutava menores de idade para atuar no tráfico do Chapéu-Mangueira.


Tráfico de Antares fica enfraquecido e dá espaço para tentativas da Milícia

Nos últimas semanas a Milícia Liga da Justiça vem dando as caras na comunidade de Antares (CV), em Santa Cruz, na zona oeste do Rio de Janeiro.

Acompanhando há anos, a Milícia da zona oeste vem tentando expandir para as comunidades de Santa Cruz, mas enfrentam uma barreira para tal, que são os traficantes do Comando Vermelho, que comandam o território há anos.

Comandados pelo miliciano Carlinhos 3 Pontes, já dominaram as comunidades do Aço, que era TCP, e Conjunto Cezarão, que era dominado pelo CV.

O alvo mais provável para esse grupo para-militar é expandir para a Antares, já que tentaram diversas vezes no Rodo (CV) e nunca conseguiram dominar a comunidade.


Dessa vez estão se aproveitando de um afrouxamento do CV.

Por conta da expansão do CV na região de Angra dos Reis, a Milícia tentou em Antares, dando um baque na localidade da "Laje", onde tinha a presença de vários moradores que não possuem envolvimento com o tráfico.

Não conseguiram nada mais que isso, mas já foi um aviso que deixou o chefe do tráfico, o Tyrson, em alerta.

Por quê o CV do Antares foi para Angra?

Tyrson em conjunto com os chefes da Favela de Manguinhos (CV) na zona norte, montaram um grupo para expandir para a comunidade do Frade em Angra.

Deslocou muitos soldados e fuzis de Antares, e segundo informações, já dominam a comunidade do Frade.

Por conta do clima e a região, parte do grupo está a vontade em Angra e não deseja voltar para Santa Cruz tão cedo.

Por conta da falta de fuzis e soldados em Antares, a Milícia se aproveitou.

Mesmo os comparsas do Rodo (CV) se localizarem vizinhos de Antares, eles não se metem nos problemas de Antares.

Já informaram que não vão reforçar a comunidade para segurar qualquer invasão, a não ser que o chefão maior, Titio Rolinha, dê as ordens para isso.

Como da mesma forma, o tráfico de Antares não ajuda o Rodo, eles usaram o mesmo motivo.

Será que Antares tem poder de fogo sozinha para aguentar?

vamos aguardar.

Chefe da Coréia Executa Homem de Confiança do Chefe da Vila Aliança

Quando pensamos que o clima tinha esfriado entre os traficantes da Coréia (TCP) e Vila Aliança (TCP), eis que o o clima esquenta de novo.

Dessa vez foi mais uma decisão do traficante Careca ou Milgol, chefe do tráfico no Complexo da Coréia, em Senador Camará.

Segundo informações, o traficante Milgol mandou executar mais um homem de confiança do traficante Natan ou Estrangeiro, chefe do tráfico na Vila Aliança.

Os motivos não são bem claros, mas da parte do Milgol, o traficante de vulgo Pagodinho, estaria desvigando o dinheiro do complexo.


Pessoalmente, o Milgol mandou um homem da sua confiança ir até a divisa com a Vila Aliança, e executou o traficante Pagodinho.

Entre as duas comunidades o clima ficou estranho, pois não sabem vai ter um revide da parte da Vila Aliança, ou apenas aceitaram a decisão tranquilamente.

Enquanto o Terceiro Comando Puro da zona norte se junta para expandir o território.

O Terceiro Comando Puro da zona oeste, fica se matando por ego.

Vamos aguardar o desfecho!

PM atira em 3 traficantes na Metral da Vila Kennedy

Três traficantes da Vila Kennedy entraram em confronto com Policiais do 14º Bpm. Segundo assessoria da policia, um carro preto passou pela comunidade  da Metral, abrindo fogo contra guarnição.

Revidaram e atingiram 3 suspeitos.

Segundo informações, dois ficaram gravemente feridos e um veio a óbito, e era conhecido pelo vulgo de Orelha, que ocupava o cargo de "abastecedor" das bocas de fumo.

Lembrando que no final de semana, os traficantes rivais do TCP entraram na Vila Kennedy e mataram o traficante Jorginho da Vk, que seria gerente de ponto da localidade da Pedra.

Boatos de nova invasão na Vila Kennedy


Os boatos que estão correndo na Vila Kennedy (CV) de uma suposta invasão da Vila Aliança (TCP) continua a todo vapor na comunidade.

Inclusive, até os próprios bandidos se "escaldaram", e começaram a fazer rondas diariamente pelas localidades da Vila Kennedy.

O foco é proteger as localidades da Malvina, Congo, Progresso e Morrinho, que são as localidades que fazem divisa com a Vila Aliança.

Apenas uma extensa área de morro e mata, divide o domínio das duas facções.


Quando estoura alguma guerra entre as facções, geralmente a primeiras áreas atingidas são nas localidades citadas.

No final de semana, alguns envolvidos com o tráfico da Vila Kennedy, foram na divisa e abriram fogo em direção a Vila Aliança (TCP).

Segundo informações, por lá estavam olheiros do tráfico do Terceiro Comando Puro.

O desejo de invadir novamente a Vila Kennedy vem crescendo, devido a existência de traficantes na Vila Aliança, que eram do grupo do Fabinho Noronha, o chefão do tráfico que trocou o Comando Vermelho pelo TCP.

Quando Noronha (morto), Rô, Vaspa, Warley e os demais trocaram de facção, e integraram ao grupo dos traficantes Playboy (morto) e Zembreão (morto), chefes do Sapo de Camará, em poucos dias, quase dominaram a Vila Kennedy da Malvina, Congo até a Manilha. Contaram com uma grande ajuda dos traficantes Peixe (preso) chefão da Vila Aliança, e Astronauta (preso), chefão do Complexo da Maré.

Noronha e Zebreão

Mesmo com todo aporte financeiro, não conseguiram concretizar a invasão, e de quebra, chamaram uma pacificação urgente na Vila Kennedy, colocando os planos de invadir o território por água abaixo.

Logo em seguida, o chefão da Coréia, o Milgol, mandou executar os traficantes Noronha, Zembreão e Playboy, pois achou que não seriam leais a ele no Complexo de Camará.

A guerra esfriou por 2 anos.

Mas parece que o impeto de "Terceirar" a Vila Kennedy (CV) não foi esquecido.

Mesmo sabendo que hoje, não igual a antes, mas os traficantes do Comando Vermelho se encontram bem armados, se comparado com a situação da guerra de 2014.

E aumentou ainda mais com a presença do traficante Léo Barrão, solto no inicio desse ano.

É uma grande incógnita uma nova disputa pelas bocas da Vila Kennedy, ainda mais que o boato se espalhou pela internet, deixando os traficantes de olhos abertos.

Do lado do Terceiro Comando Puro, na Vila Aliança, quem manda é o traficante Estrangeiro ou Natan, que assumiu o posto de chefe do tráfico após a prisão do Peixe ou Flamengo.

Possuí um perfil "acelerado", como dizem na gíria do tráfico.

Ele que poderia patrocinar os antigos "ex-Vk" para uma nova tentativa, mas não ganharia apoio do seu comparsa de facção, o Milgol, o chefão do tráfico no Complexo da Coréia.

Traficantes do TCP do Bonde do Astronauta (Ilustrativa)

Milgol já demonstrou que não confia nos bandidos que trocaram de facção, e como há anos não apoia o tráfico da Vila Aliança, não entrometeria nessa guerra, mesmo que envolve a sua facção.

Atualmente existe um grande patrocinador de guerras e retomada de territórios no TCP, e ele é conhecido como Peixão, chefão da Parada de Lucas e Vigário Geral.

Grande parte dos confrontos, tiroteios ou invasões, seus fuzis e soldados estão envolvidos, assim como fizeram na histórica invasão na Cidade Alta em Cordovil, um reduto importante para o Comando Vermelho.

fonte: images.google.com

Até o momento (12/12/2016) continuam controlando o tráfico na Cidade Alta.

Peixão administra um império milionário, que envolve dinheiro, distribuição de drogas, soldados e armas.

Suas fronteiras não são limitadas apenas na Parada de Lucas (TCP), mas também, na Baixada Fluminense, Itaguaí e Nova Iguaçu.

Não seria uma surpresa se o seu império aparecesse numa possível invasão na Vila Kennedy, auxiliando os comparsas de facção da Vila Aliança.

No entanto.

Vamos aguardar.



Chefão do São Carlos ameaça líder do CV em áudio

Após algumas semanas que o Comando Vermelho perdeu o controle do Morro da Coroa, sendo retomado pela facção ADA, o áudio foi compartilhado nas redes sociais.

No conteúdo desse áudio, o traficante conhecido como Danado ou Empada, chefão do Complexo do São Carlos (ADA), que foi citado no primeiro áudio, onde o Dadá da Mineira, integrante do CV, debochava de ter invadido a Coroa e expulsado o ADA.

No áudio, o Empada debocha da situação do traficante Dadá da Mineira, e avisa que poderá iniciar invasões nos Morros do Turano, Fallet e Fogueteiro, todos rivais do Complexo do São Carlos, na região central do Rio de Janeiro.


Para lembrar, há alguns meses, a facção ADA tentou uma investida no Morro do Turano (CV) no Rio Comprido, se aproveitando de uma briga interna entre os traficantes que comandam o tráfico na região.

Mas os planos foram por água abaixo, e tiveram que sair do Turano no dia seguinte.

Na ocasião, a invasão foi orquestrada pelo traficante Danado, chefão do São Carlos, que responde as ordens do Coelho, dono das comunidades do São Carlos (ADA), e detido desde 2011.

Bandidos do TCP ameaçam invadir a Vila Kennedy

Todo ano os traficantes do Terceiro Comando Puro ameaçam invadir a rival Vila Kennedy, controlada pelo Comando Vermelho.

Em 2014 foi uma guerra intensa, com vários chefes do tráfico da Vila Kennedy se rebelando, e optando por entrar no TCP.

Mas o final todos já sabem.

Os traficantes que saíram da Vila Kennedy para entrar no TCP de Senador Camará, foram executados, e alguns tiveram que fugir quando a guerra acabou.

Acabou na vitória do CV e na entrada da Unidade Pacificadora na comunidade, após uma desistência do TCP.
ilustrativa.

Desde então, ameaçam um dia reaver esse saldo que ficou na guerra de 2014.

Nessa semana, moradores da Vila Kennedy comentam que traficantes da Vila Aliança (TCP) estão ameaçando entrar na comunidade ainda nesse ano.

Como ainda possuem ex-soldados do tráfico da Vila Kennedy, iriam aproveitar esse conhecimento que os bandidos tem no território.

Segundo informações, ainda nesta sexta-feira, uns bandidos entraram de preto num veículo e mataram um traficante da Vila Kennedy na localidade da Pedra.

Foi muito rápido, e ascendeu o sinal de alerta na comunidade.

Se invadiram ou apenas baquearam.

Veremos nesse final de semana.

Setor de Inteligência prende chefe do tráfico na Vintém

Hoje os agentes do setor de inteligencia do SISPEN, realizaram a captura de um dos chefes do tráfico da Vila Vintém, em Padre Miguel, na Zona oeste do Rio de Janeiro.

Receberam uma denúncia anônima que o traficante estava em um Shopping no Recreio dos Bandeirantes.

Os agentes foram até lá e realizaram a captura.

Ele é acusado de chefiar o tráfico na Vila Vintém (ADA) para o Celso Russo (preso), o dono do tráfico que está muito tempo detido.

Conhecido como Pokémon, ele organizava o tráfico na comunidade do Sete Sete (77) , uma comunidade que faz parte dos domínios territoriais do Celso Russo.

77, Curral, Conjuntão e Vila Vintém, são comunidades pertencentes ao Celso Russo, e que trabalham juntas no tráfico.

Por ser gerente-geral no 77, o Pokémon auxiliava os homens de confiança do Celso Russo no tráfico da Vila Vintém, que teoricamente, seria o centro de operações naquele conjunto de territórios.

Foto: Secretaria estadual de Administração Penitenciária / Divulgação

Após acordo com a Milícia, o CV retorna para o Fumacê

Não demorou muito para os traficantes do Comando Vermelho retornarem em peso para o Morro do Fumacê, em São João de Meriti.

Já relatado, os Milicianos da região, insatisfeito com as ondas de roubos que estavam acontecendo na Venda Velha, entraram no Fumacê e expulsaram os poucos bandidos que lá estavam, pois a liderança estava fora de São João de Meriti.

Segundo informações, só expulsaram os bandidos e não ficaram no morro, deixando o mesmo abandonado, sem nenhum grupo controlando.

Mas avisaram, se algum bandido entrasse no morro, ficariam entrando fortemente armado todos os dias, até não sobrar ninguém.


Como a liderança do "Bonde da Parma" estava fora do Rio de Janeiro, receberam essa notícia e trataram de agir rapidamente.

Segundo informações, o tráfico do Fumacê (Cv) rende uma grande quantidade de dinheiro para o CV em São João de Meriti, e incrivelmente, os faturamentos são apenas nas vendas de Maconha e Cocaína. Drogas que lideram a contabilidade do CV na região.

Até a venda de Crack, a droga mais comercializada por essa facção, no Fumacê, a procura é quase nula.

Para não perder essa boquinha no Fumacê, os chefões trataram de realizar um acordo com os cabeças da Milícia, que já são antigos em São João de Meriti.

E informaram para os Milicianos, que iriam exterminar os próprios bandidos que eram filiados ao CV, mas roubavam na região da Venda Velha.

Em troca, ficariam com o Fumacê, e não pisaria no "calo" da Milícia da região.

O famoso, eles ali e nós aqui.

E segundo os moradores da região, o acordo foi concretizado e os chefões da Parma retornaram em peso para o Fumacê.

Realizaram até o tradicional baile funk que costuma ter aos finais de semana na comunidade.

Proibiram os roubos no pé do morro e na região.

E parece que essa Milícia é apaziguadora, pois concretizaram o mesmo tipo de acordo com os traficantes da facção ADA no Morro da Caixa D'água, rival do Fumacê.

Assim segue o ritmo em São João de Meriti!

TCP continua dominando a Cidade Alta

Apesar da tentativa de invasão do Comando Vermelho na Cidade Alta em Cordovil, o Terceiro Comando Puro continua prevalecendo na comunidade.

Ontem, os bandidos do CV saíram da localidade da 5 Bocas e Pica-Pau, e tentaram entrar no coração da Cidade Alta.

Logo foram notados pela segurança armada do traficante TriBolado, o chefe do tráfico na Cidade Alta, e abriram fogo em cima do bonde do CV.

Foi uma intensa troca de tiros, e o grupo do CV recuou, e ateou fogo em um ônibus para chamar atenção da mídia e da Policia.

Os bandidos do TCP nem precisaram dos reforços da Parada de Lucas (TCP) e Vigário Geral (TCP), que em suma, são as comunidades que administra hoje o tráfico na Cidade Alta.

Mesmo os bandidos do CV aplicando tiros em direção da Parada de Lucas (TCP).

Hoje o dia amanheceu e os bandidos do TCP continuam sob controle da comunidade, mas agora muito mais atentos, pois estão cientes que existe uma grande concentração de bandidos na 5 Bocas (CV) e Pica-Pau (CV), esperando uma brecha para tentar novamente na Cidade Alta.

O grupo liderado pelo Peixão, chefe da Parada de Lucas (TCP), estão ciente que ao entrar na Cidade Alta, não iriam ter paz.

Ontem foi um confronto, e hoje o CV promete realizar uma nova investida.

A comunidade que fica no meio desse fogo cruzado, prefere não se manifestar e seguir o que deve ser feito, que é ficar nas suas casas esperando o desfecho.

Vamos aguardar.

Comando Vermelho invade a Cidade Alta e Parada de Lucas

Quando pensamos que a situação estava resolvida na Cidade Alta em Cordovil, eis que as facções entraram em guerra novamente.

Desta vez, os traficantes do Comando Vermelho entraram novamente para retomar a Cidade Alta.

Foi uma intensa troca de tiros na noite de segunda-feira, e os bandidos da 5 Bocas (CV) atearam fogo em um ônibus próximo a Avenida Brasil.

Possivelmente para chamar atenção da policia, evitando reforços que saíram da Parada de Lucas, Vigário Geral, Muquiço e Acari.

Moradores relataram que três bandidos do TCP foram baleados no confronto.


Antes que a madrugada chegasse, os traficantes da Comunidade do Dique (CV), conhecido como "Bonde do 50", invadiram a Parada de Lucas e Vigário Geral (TCP), aplicando tiros pra dentro da comunidade.

Tática para evitar reforços para Cidade Alta, acuando os traficantes do TCP para dentro da Parada de Lucas, onde não pudessem se deslocar até Cordovil.

A policia foi acionada para conter o confronto dentro da Cidade Alta, e um veículo blindado ajudou na operação.

Tudo indica que outros chefões do tráfico do Comando Vermelho, estariam patrocinando uma retomada rápida da Cidade Alta.

Até o momento, nada definido!

Traficantes do Sapo ameaçam moradores com faixa na comunidade

Os traficantes da comunidade do Sapo (TCP) em Senador Camará, querendo dar o fim na desorganização e limpeza.

Colocaram uma faixa na comunidade, avisando que se o morador jogar lixo ou entulho no chão, vão parar no tribunal do tráfico do Terceiro Comando Puro.

Na faixa diz: " Quem desobedecer as ordens superiores, toma um tiro na mão"

Mas abriram uma exceção nos dias de terças e quintas á noite.


A policia informou que o batalhão local vai tomar as medidas cabíveis, e a Columrb se manifestou, afirmando que fazem a coleta de lixo todos os dias.

Uma forma de intimidação bem típica do tráfico.

Lembrando que na Favela do Sapo, hoje quem manda é o traficante Careca ou Milgol, chefão do Complexo da Coréia (TCP) também em Senador Camará.

PM prende um dos chefões da Cidade Alta em São Gonçalo

Nesse fim de semana o Comando Vermelho sofreu mais uma baixa.

Dessa vez, no grupo que foi expulso da Cidade Alta em Cordovil, na zona norte do Rio de Janeiro.

No Morro do Feijão (CV) em São Gonçalo, os policiais realizaram a prisão do traficante Bin Laden, um dos gerentes na Cidade Alta.

Assim que foram expulsos pelo Terceiro Comando Puro, os mais fortes na hierarquia fugiram para comunidades longe do Rio de Janeiro.

Primeiro lugar foram nas comunidades do Parque União (CV) e Nova Holanda (CV), mas devido as constantes operações na Maré, os traficantes da Cidade Alta foram migrando para fora do Rio de Janeiro.


E o Bin Laden foi achado no Morro do Feijão em São Gonçalo.

O CV ainda pretende retomar a Cidade Alta, mas dessa vez sob ordens de um novo chefe do tráfico, e não mais do Torrá, o bandido que liderava o tráfico por lá.

Há quem diga que outros chefões da facção, se mexem para pegar a Cidade Alta para si, investindo uma nova retomada.

Por enquanto a comunidade continua dominada pelo Terceiro Comando Puro da Parada de Lucas.

CV da baque no ADA, mas perde um líder em Japeri

Há meses os traficantes do grupo do Arafat, preso nessa semana, dominam as comunidades de Engenheiro Pedreira e Japeri.

Arafat foi preso, e imaginasse que o investimento em Japeri vai reduzir, causando uma proximidade do Comando Vermelho novamente.

Ainda nesse fim de semana, um grupo do CV tentou invadir a Guandu, dominada pelo ADA.

Deram um baque e recolheram 1 fuzil do grupo do ADA.

Liderados pelo traficante conhecido como Iguinho da Beira-Rio.

Mas a facção ADA de um contra-golpe, e invadiu o território do CV, matou o Iguinho e  mais um traficante não reconhecido, e pegaram novamente o fuzil perdido.

Esse são só os primeiros capítulos de uma nova guerra que pode se formar em Japeri.

Vamos aguardar.


Chefe da Cidade de Deus foi preso na Nova Holanda

As operações na Nova Holanda (CV) e Parque União (CV) surtiu resultados para a policia.

Os policiais do BOPE encontraram o traficante Deco, chefe da Cidade de Deus (CV) na Nova Holanda.

Ele estava escondido dentro de uma casa na Rua Teixeira Ribeiro, dentro da Nova Holanda.

Desde o sufoco na Cidade de Deus (CV) em Jacarepaguá, o Deco estava escondido nas comunidades do Complexo da Maré.

A Policia entende que o Deco dava as ordens para as invasões na Gardênia Azul em Jacarepaguá.

Como é antigo na facção e irmão do traficante Sam, chefe da Cidade de Deus, ele possuía importância dobrada na facção.

foto: jornal extra

Policia nega R$ 1 milhão de reais de propina do Arafat

A prisão do Arafat na Avenida Brasil foi tão tranquila e sem resistência, que o traficante tentou subornar os policiais.

Segundo a divulgação da policia, o traficante ofereceu R$ 500 mil reais para se solto durante abordagem.

Logo viu que os policiais não iriam aceitar, ele dobrou, e ofereceu R$ 1.000,00 milhão de reais.

Mesmo com um valor exorbitante, os policiais mesmo assim continuou negando e encaminhou o traficante para delegacia.

Mesmo com a crise no estado do Rio de Janeiro, que vai prejudicar até o recebimento do 13º salário dos servidores públicos.


Veja na matéria.

TCP volta pro Chapéu-Mangueira

TCP volta a dominar o tráfico no Morro do Chapéu-Mangueira, no leme, na zona sul do Rio de Janeiro.

Há poucos dias, um grupo da Ladeira dos Tabajaras (CV) e Babilônia (CV), invadiram com cerca de 50 homens.

Sofreram muitas operações e tiveram que ficar recuado na área de mata.

Até que perderam o traficante Americana, um dos líderes da invasão, que foi morto em confronto com a policia.

Agora apareceram relatos que os bandidos do TCP retornaram para o morro, e já começaram a riscar as pichações que os rivais do CV fizeram no muro da comunidade.

No Chapéu-Mangueira, o TCP é sustentado pelos chefes do tráfico da Serrinha (TCP) em Madureira e Complexo da Maré.




Policia prende o Segundo na Hierarquia da Serrinha

Em operação conjunta da Policia Militar e o setor de inteligência, na noite dessa quarta-feira capturaram o segundo homem da hierarquia do Complexo da Serrinha (TCP) em Madureira, na zona norte do Rio de Janeiro.

Conhecido como Marcelo Shrek, ele comandava o tráfico nas comunidades do São José da Pedra e Dendezinho, dentro do Complexo da Serrinha.

Shrek era braço direito do traficante Lacosta, e foi o responsável por colocar o TCP na totalidade do Complexo da Serrinha.

Anos atrás, ele era do CV, mas optou por trocar de facção e integrar o grupo do TCP.

Segundo a policia o Shrek tentava fugir do Rio de Janeiro, com o destino provável até a Paraíba.

Foi surpreendido na ponte Rio-Niterói.



loading...